Domingo, 23 de Junho de 2024
17°C 33°C
Três Lagoas, MS
Publicidade

Dia Mundial da Reciclagem destaca a conscientização e o compromisso com o Meio Ambiente

Saiba a importância da reciclagem e dicas para um descarte adequado de resíduos sólidos

17/05/2023 às 06h00 Atualizada em 17/05/2023 às 09h20
Por: Fonte: Metropolitana MS
Compartilhe:
Foto: Imagem Ilustrativa
Foto: Imagem Ilustrativa

O Dia Internacional da Reciclagem foi instituído pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência, e a Cultura (UNESCO) para conscientizar a sociedade em relação aos benefícios em caso de redução e reciclagem de resíduos.

A reciclagem é um dos pilares da sustentabilidade, pois contribui para a redução do consumo de recursos naturais, diminuição do consumo e mitigação dos impactos ambientais. Ao dar uma nova vida aos materiais descartados, a reciclagem evita que eles se acumulem em aterros sanitários, atendendo assim os riscos à saúde pública e promovendo a conservação dos ecossistemas.

Um exemplo notável é o projeto "Drive-Thru da Reciclagem", iniciativa organizada pela empresa Du Bem e pelo Fundo de Apoio à Comunidade, com apoio institucional da UFMS, que tem como objetivo incentivar a separação correta dos resíduos e a adoção de práticas de reciclagem. Por meio de parcerias com empresas e organizações locais, o projeto oferece pontos de coleta e realiza campanhas educativas, disseminando informações sobre a importância da reciclagem e dos benefícios ambientais.

Continua após a publicidade

Segundo estudo da World Wildlife Fund (WWF), dados de 2018/2019, o Brasil é o quarto maior produtor de lixo plástico do mundo: das 11,3 toneladas que produz anualmente, somente 1,28% é reciclado. Dessa forma, nosso país ganha destaque por ser uma das nações que mais produz e que menos recicla resíduos sólidos. E qual seria a saída para melhorarmos esses números? Para diminuir a geração de resíduos, devemos praticar os 5 Rs da sustentabilidade:

Repense seus hábitos e comportamentos de consumo;

Continua após a publicidade

Reduza o desperdício;

Recuse produtos descartáveis e outros vilões da natureza;

Continua após a publicidade

Reutilize objetos ociosos;

Recicle qualquer material reciclável. Só depois de conjugarmos esses cinco verbos é que podemos planejar no sentido de descartar adequadamente materiais e objetos contribuindo para viabilizar a reciclagem.

 

Dicas para um descarte adequado de resíduos sólidos

1.       Antes de tudo, verifique se o material pode ser reciclado ou deve ser aproveitado como lixo orgânico. Resíduos orgânicos (restos de alimentos, folhas e sementes) podem ser compostados. Resíduos sólidos (plásticos, vidros, metais, papéis, lixo eletrônico e tudo que não é de origem biológica) devem ser destinados à reciclagem.

2.       Se possível, higienize os materiais recicláveis que contêm resíduos orgânicos: retire o excesso com um guardanapo, uma colher ou com um pouco de água. Isso facilita o trabalho das cooperativas, evita o mau cheiro e a Invasão de insetos aos pontos de coleta.

3.       Informe-se sobre serviços de coleta seletiva no seu condomínio, bairro ou município. Se, no prédio em que você mora, o lixo ainda não é separado, converse com o síndico e mobilize os vizinhos para implementar a prática.

4.       Procure, em sites, serviços de coleta seletiva, pontos de coleta, ecopontos e pontos de entrega voluntária. Se há dúvida sobre como destinar alguns objetos ou materiais, consulte pessoas ou instituições que já desenvolvem projetos sobre o descarte adequado.

É importante saber as cores correspondentes às principais caixas coletoras de material reciclável para fazermos o correto depósito do resíduo sólido a elas correspondente:

Amarela: metal

Verde: vidro

Vermelha: plástico

Azul: papel

 

As vantagens da coleta seletiva

·         Diminui a poluição do solo, da água e do ar;

·         Auxilia a ampliação da vida útil dos aterros sanitários;

·         Gera empregos e oportunidades;

·         Diminui gastos com a limpeza nas cidades;

·         Contribui para a preservação dos recursos naturais.

Faça da reciclagem um hábito. Separe os resíduos, reaproveite garrafas, potes e embalagens, troque as sacolas plásticas por sacolas reutilizáveis, consuma o necessário e incentive as pessoas a fazerem o mesmo.

Seja qual for a situação da limpeza urbana na sua cidade, não jogue lixo a céu aberto. Os lixões é um problema socioambiental grave e deve ser evitado a qualquer custo. Se não for possível reciclar, garanta que os resíduos produzidos por você cheguem, ao menos, a um aterro sanitário.

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários