Domingo, 23 de Junho de 2024
17°C 33°C
Três Lagoas, MS
Publicidade

Dia do Massagista: saiba tudo sobre a data e os benefícios da massagem

Segundo estudiosos, há indícios de que a massagem já era praticada a cerca de 4 mil anos atrás

25/05/2023 às 08h00
Por: Fonte: BIOSSANCE
Compartilhe:
Foto: Imagem Ilustrativa
Foto: Imagem Ilustrativa

Quem não gosta de uma boa massagem? Relaxante e terapêutica, a massagem alivia dores, desconecta a mente e traz benefícios únicos para a saúde dos adeptos dessa técnica milenar. Para homenagear os profissionais que nos proporcionam tudo isso, no dia 25 de maio, é comemorado o dia do massagista. 

Porém, você sabe o que é massagista e o que esse profissional faz? Há diversas técnicas, abordagens e estilos de massagem, cada um voltado especificamente para uma necessidade. 

25 de maio, Dia do massagista, é uma data voltada inteiramente para comemorar o trabalho tão importante desses profissionais e difundir os conceitos por trás desse ofício, a fim de atingir e melhorar a vida de cada vez mais pessoas.

Continua após a publicidade

Segundo estudiosos, há indícios de que a massagem já era praticada a cerca de 4 mil anos atrás. Além disso, ela foi regulamentada como profissão em outubro de 1961, antes mesmo de algumas outras áreas da saúde, como enfermagem, fisioterapia e psicologia, por exemplo. Isso porque teve benefícios comprovados para o tratamento de diversas doenças e sintomas desde muito cedo. 

Ainda assim, existem muitos estigmas envolvendo a massagem, justamente pela falta de informações por parte da população. Esse é outro motivo por que o dia do massagista é tão importante: para conscientizar que a massagem combina arte e ciência para melhorar os sintomas do corpo e da mente. 

Continua após a publicidade

 

O profissional

Continua após a publicidade

O profissional que deseja atuar como massagista, antes de mais nada, necessita de uma aprovação e um certificado do Serviço Nacional de Fiscalização da Medicina. Isso porque, para o uso da massagem em prol da saúde, é imprescindível a compreensão da anatomia e da fisiologia humana, além das técnicas adequadas para aplicação em cada caso. 

Outro ponto importante a ser mencionado é que existem inúmeros tipos de massagem. Em casos como reabilitação esportiva, acidentes, dores crônicas ou problemas de circulação, por exemplo, o atendimento do massagista tem motivação médica. Sendo assim, o trabalho é conjunto com outros profissionais. 

Por outro lado, há também quem busque apenas massagens relaxantes ou estéticas, como drenagem linfática, massagem facial e outras, sem apresentar queixas que afetam diretamente a saúde. Nesses casos, vale ao paciente avaliar os resultados que deseja obter com a massagem e conversar com o especialista para entrar em um consenso sobre as melhores técnicas a serem aplicadas.

 

Benefícios da massagem

Existem diversas aplicações para o uso da massagem, desde motivos médicos e estéticos até o puro relaxamento físico e mental. A seguir, listamos os maiores benefícios observados após incluir a massagem relaxante na sua rotina:

·         Melhora a disposição e reduz o estresse, por meio do aumento da liberação de dopamina (hormônio responsável pela sensação de prazer) no nosso corpo;

·         Melhora o sono e fortalece o sistema imunológico, por meio da redução dos níveis de cortisol (hormônio do estresse) e do aumento do número de glóbulos brancos (responsáveis pela defesa do organismo);

·         Melhora a circulação sanguínea e ajuda a eliminar toxinas, por meio dos movimentos adequados, provocando um aumento do oxigênio no sangue; 

·         Alivia os pontos de tensão e as dores crônicas, com a pressão aplicada nos pontos específicos. A circulação melhora e os músculos afetados são mais nutridos pelo sangue, diminuindo o desconforto.  



 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários